Cooperado: (11) 3378-2800
Icone FacebookIcone Instagram

Projeção do IPC Maps coloca Jundiaí em 13º lugar no ranking estadual

Os jundiaienses devem consumir mais de R$ 10,2 bilhões este ano na cidade, segundo o IPC Maps de 2015, uma projeção feita pela IPC Marketing Editora, especializada no cálculo de índices de potencial de consumo nacional. O volume previsto coloca a cidade no 13º lugar no ranking estadual.

“É um número excelente, que representa quase cinco vezes o orçamento da cidade. É ótimo para manutenção do emprego no comércio e, com certeza, também impulsiona outros segmentos”, comenta Edison Maltoni, presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Jundiaí.

Segundo Maltoni, a boa colocação da cidade no ranking estadual reflete a situação diferenciada vivida por Jundiaí. “Nos últimos doze meses, a única região que apresentou crescimento no comércio foi a nossa, segundo um levantamento feito pela FecomercioSP”, afirma.

Setores – De acordo com o levantamento, o setor campeão de consumo será o de manutenção do lar, com gastos estimados em R$ 2,6 bilhões. Em seguida vêm as despesas com alimentação, que devem somar cerca de R$ 960 milhões. Outro gasto considerável será o com alimentação fora do domicílio, que vai custar ao bolso dos jundiaienses mais de R$ 606 milhões.

Fonte: Jornal de Jundiaí